Gem

Mais ao sul da região — de fato, a mais afastada cidade-estado do Sul — está Gem, um centro comercial de mineração, liderada por Rankar VII, o Déspota hereditário. Rankar detém o monopólio real de todo o comércio de pedras preciosas. Nessa cidade, todo joalheiro, avaliador e vendedor de pedras é um escravo real, e todo negócio envolvendo pedras preciosas deve ser conduzido por eles. Qualquer um pego tentando vender ou comprar pedras por conta própria é preso, escravizado ou executado, dependendo do status do ofensor e do valor das pedras envolvidas. A cidade fica longe o suficiente para ser considerada livre da dominação do Reino. Ela, atualmente, está engajada em uma pesada guerra comercial com a cidade-estado de Paragon, mais ao norte, que, recentemente, começou a expandir suas operações de mineração.

Gem foi construída ao lado de um vulcão extinto. Embora ele proteja a cidade da luz direta do sol durante boa parte do ano, não consegue conter o calor abrasador no auge do verão. Por essa razão, toda a cidade dorme durante as horas de intenso calor, e acorda durante o por do sol. Dutos de lava foram transformados em ruas, mercados e luxuosos apartamentos subterrâneos para os ricos; os pobres sofrem com o calor em abrigos abarrotados. O mais famoso mercado de Gem é seu celebrado bazar subterrâneo, aberto dia e noite, iluminado por grandes espelhos e pedras fluorescentes amarelas e alaranjadas mineradas no local. O mercado vive constantemente cheio de mercadores e negociantes, e abriga o verdadeiro coração de Gem: os pavilhões dos mercadores de jóias do Déspota.
Situados abaixo de vastos dosséis translúcidos e brilhosos de seda, os escravos-mercadores do Déspota comercializam pedras preciosas com todo o Sul. Eles ainda possuem raridades, como cristais de yasal, todas as cinco cores de jade e as raríssimas opalas dos sonhos, que podem memorizar os sonhos de qualquer um que durma em contato com ela.

Apesar do monopólio de gemas ter tornado o Déspota extremamente rico, as casas nobres da cidade subsistem por meio de fontes menos abundantes de riqueza. Cada casa foi agraciada com o monopólio de algum bem ou serviço popular. A família Arbani controla a manufatura local de bastões de fogo. A Casa de Sahlak controla os salões oníricos e os bordéis da cidade. A Casa de Iblan domina o comercio de ouro e prata. A família Circla conduz as arenas de gladiadores e as academias de treinamento. A Casa de Trasti movimenta as casas de jogos e os bancos públicos.

Além de pedras preciosas, Gem é também lar do maior mercado contratante de mercenários do Sul. O Déspota é ávido por ter pronto acesso às forças mercenárias usadas para manter o poder, e, por isso, apoia fortemente este “comércio” de soldados de aluguel. Agora que a guerra comercial com Paragon está se agravando, ele tem contratado ainda mais soldados e tem ponderado sobre libertar os gladiadores da cidade e, discretamente, contratar Exaltados.

Gem

Crônicas de Exalted alyssonlago alyssonlago